Serviço de custódia da Bakkt supera marca de 70 clientes institucionais

Serviço de custódia da Bakkt supera marca de 70 clientes institucionais

A Bakkt anunciou a expansão de seus negócios de custódia institucional para mais de 70 clientes, enquanto prepara o lançamento de um aplicativo de consumidor muito esperado.

De acordo com um texto escrito pelo presidente da empresa, Adam White, a Bakkt também fez parceria com a corretora de seguros Marsh para oferecer aos clientes mais de US$ 500 milhões (R$ 2,7 bilhões) em cobertura. Os clientes da Bakkt teriam que trabalhar bilateralmente com a Marsh para adquirir o seguro.

A empresa também concluiu dois exames: SOC 1 Tipo I e SOC 2 Tipo II. Estes são exames de auditoria que também foram feitos outros participantes do mercado de criptoativos, como Gemini, Coinbase e BitGo. As auditorias avaliam os controles e procedimentos internos de uma empresa.

“Além dos US$ 125 milhões (R$ 1,3 bilhão) em seguros já existentes no Bakkt Warehouse, os clientes agora podem comprar mais de US$ 500 milhões em cobertura adicional, sujeita a critérios de subscrição”, escreveu White.

Aumento da concorrência estimula diversificação de serviços

A Bakkt ganhou as manchetes no final de abril. O então CEO da empresa, Mike Blandina, deixou o cargo para tornar-se executivo de pagamentos do banco JP Morgan. Blandina tinha sido anunciado em dezembro e, portanto, ficou menos de 4 meses no cargo.

A iniciativa foi lançada há dois anos com um produto futuro de Bitcoin destinado a instituições. Inesperadamente, o serviço recebeu um aceno do Departamento de Serviços Financeiros de Nova York (NYDFS) por meio do recebimento de uma BitLicense. Nesse momento, a empresa está captando a uma taxa de dois clientes por semana.

Enquanto enfrenta a concorrência, a Bakkt tem ambições de invadir outros mercados e atender mais consumidores. A empresa anunciou a intenção de lançar um aplicativo que permite aos usuários comprar e vender uma variedade de ativos digitais, abrangendo pontos de criptomoeda, dinheiro e recompensas.

O crescimento da empresa tem chamado a atenção de investidores. Em março, a Bakkt captou US$ 300 milhões (R$ 1,7 bilhão) em uma rodada de investimento.

Leia também: Após acusações de insider trading, ex-CEO da Bakkt anuncia venda de todas as suas ações

Leia também: Estado de São Paulo nega criptomoedas como garantia em processo de execução

Leia também: Província de Hainan na China se torna uma espécie de sandbox sobre Bitcoin e criptomoedas para governo

Forex Crypto News: Cripto Facil