Revolução em DeFi pode aumentar preço do Bitcoin, diz analista

Revolução em DeFi pode aumentar preço do Bitcoin, diz analista

O analista do ecossistema de finanças descentralizadas (DeFi) David Hoffman está otimista com o mercado.

Segundo ele, o aumento dos ativos atrelados ao Bitcoin no Ethereum é um desenvolvimento positivo para ambos os projetos.

Além disso, Hoffman ressaltou que todo o mercado tende a ganhar com os R$ 5,5 bilhões em BTC tokenizados no Ethereum.

Oportunidade de lucrar com BTC

Para o analista, o Bitcoin “tokenizado” proporcionará aos membros avessos ao risco uma oportunidade de lucrar com seus investimentos.

“Bitcoiners, como cultura, geralmente são muito mais avessos ao risco do que vemos nos investidores de DeFi”, disse.

No entanto, segundo ele, DeFi e Ethereum permitem experimentar e expandir os limites desta percepção.

“Vamos ver o que realmente podemos fazer, e os Bitcoiners que agora estão realmente com medo de arriscar seus Bitcoin, podem mudar de ideia”, completou.

WBTC

Hoffman diz que o Bitcoin pode se tornar “financeirizado” no Ethereum. Assim, sendo integrado a protocolos de finanças descentralizadas.

Portanto, isso acabaria proporcionando aos Bitcoiners conservadores oportunidades de lucro.

“Com o WBTC, você pode enviar seu BTC para MakerDAO ou Compound e, em seguida, sacar dívidas com base nisso. E isso é realmente vantajoso para pessoas que querem lucrar com seu Bitcoin”, declarou.

Hoffman observou ainda que os detentores de Bitcoin podem dar o próximo passo com o Compound, que oferece a capacidade de emprestar Bitcoins para outras pessoas que pagarão juros denominados em WBTC.

Ao mesmo tempo, ele observou que está “totalmente certo”, que as pessoas serão capazes de produzir ‘farms’ voltadas para este negócio no futuro.

Ethereum

Por outro lado, ele reconhece que usar o BTC no Ethereum é atualmente mais arriscado do que colocá-lo na BlockF. Isso porque a plataforma atende aos requisitos de KYC (Conheça seu cliente).

No entanto, Hoffman acredita que, no futuro, será tão ou até menos arriscado fazer isso.

“Acho que o Bitcoin no Ethereum é positivo para o Bitcoin porque é um coletor de suprimentos de BTC. Também é bom para o Ethereum porque a atividade econômica é inerentemente alta para a rede. Assim, ele é positivo [para] todos”, finalizou.

Leia também: DeFi confunde até mesmo veteranos das criptomoedas

Leia também: Bitcoin não vai iniciar alta por 3 motivos, aponta analista

Leia também: Mais de 15% de todo Ethereum está em DeFi, revela relatório

Forex Crypto News: Cripto Facil