Projeto do dólar digital está atrasado, afirmam economistas

Projeto do dólar digital está atrasado, afirmam economistas

Recentemente, os Estados Unidos têm movimentado documentos envolvendo um dólar digital.

Os estudos ficaram mais intensos após a Libra e a crise econômica causada pelo coronavírus.

Entretanto, economistas disseram a Forbes que o projeto está atrasado, e que os EUA “chegaram tarde no jogo”.

Estados Unidos perderam a dianteira

Uma tendência de moedas digitais de bancos centrais, ou CBDCs, está se formando.

Nesse sentido, os Estados Unidos começaram a organizar um conceito de dólar digital. Contudo, a China já está caminhando para a reta final de seu yuan digital.

Segundo Sharon Bowen, economista e membro do conselho diretor da Intercontinental Exchange, afirmou sobre o dólar digital:

“Nós estamos ficando um pouco para trás quando você observa o que outros países já fizeram.”

Além de Bowen, Sheila Warren também falou sobre os planos dos EUA. Warren é chefe da iniciativa de blockchain do Fórum Econômico Mundial.

Ela afirmou:

“Os Estados Unidos chegaram tarde para o jogo. Contudo, ainda é possível alcançar os esforços e usar os trabalhos feitos em outros países de exemplo.”

Outras iniciativas

Recentemente, a França anunciou seus planos de desenvolver uma moeda digital própria.

Segundo a Forbes, bancos centrais ainda estão estudando como moedas digitais podem impactar o sistema bancário comercial baseado em depósitos.

No caso da França, o país está estudando como moedas digitais podem auxiliar nas remessas internacionais.

Japão, Reino Unido, Canadá, Suécia e Suíça também estão estudando suas próprias moedas digitais.

Foi relatado pela Reuters que, até o terceiro trimestre, os países já terão um relatório final decidindo sobre a emissão de CBDCs.

Por fim, Meltem Demirors, CSO da CoinShares, falou sobre os desafios dos bancos centrais nesse novo universo digital:

“Bancos centrais estão enfrentando um novo e desafiador paradigma, onde o estado não possui mais o monopólio do dinheiro. Governos estão tentando achar um terreno no meio, entre permitir inovações e minimizar a lavagem de dinheiro e crimes financeiros perpetrados através dos novos meios digitais.”

Leia também: Serviços de custódia de criptoativos podem ser oferecidos por bancos nos EUA, decide regulador

Leia também: Bitcoin está com baixo risco de investimento, aponta relatório

Leia também: Contratos futuros de Bitcoin superam R$ 5 bilhões de interesse em aberto na BitMEX

Forex Crypto News: Cripto Facil