Projeto de criação de dólar digital libera seu primeiro whitepaper

Projeto de criação de dólar digital libera seu primeiro whitepaper

Na sexta-feira, 29 de maio, o projeto Digital Dollar lançou seu primeiro “whitepaper”. A iniciativa é comandada pelo ex-presidente da Comissão de Negociação de Futuros e Commodities (CFTC), Christopher Giancarlo.

O intuito do grupo é pressionar o governo dos Estados Unidos a adotar o dólar digital. O artigo reitera muitas das idéias que Giancarlo e outros envolvidos no projeto já apresentaram, embora com mais detalhes.

Conforme relatado pelo CriptoFácil em março, o whitepaper estava previsto para ser lançado nos próximos dois meses. De fato, a associação foi bastante pontual em seu lançamento.

Novo dólar é questão de sobrevivência para EUA, afirma ex-CFTC

O artigo aborda mais questões filosóficas do que técnicas. Além disso, também ilustra como algumas das questões fundamentais sobre o projeto técnico das moedas digitais de bancos centrais (CBDCs).

De fato, o documento afirma que essas questões não podem realmente ser separadas das questões filosóficas.

Por exemplo, o whitepaper destaca que já é hora dos EUA começarem a pensar seriamente em como pode projetar uma versão digital do dólar. De acordo com Giancarlo, o país pode perder a chance de trazer seus “valores essenciais” para o futuro do dinheiro caso fique para trás nessa corrida.

“Existe uma conversa global em andamento, que parece acontecer apenas uma vez a cada várias gerações, tentando responder à pergunta ‘O que é dinheiro?’”, Diz Giancarlo. E ele argumenta que agora é a hora de os EUA fazerem essas perguntas.

Tal postura não é novidade para Giancarlo. Enquanto foi presidente da CFTC, ele foi um dos maiores defensores dos criptoativos e da criação de instrumentos como contratos futuros. E em mais uma ocasião, ele afirmou que os EUA precisam “adaptar o dólar às novas tecnologias” através da digitalização.

Facebook, China e coronavírus aceleram discussão sobe dólar digital

Ele credita ao Bitcoin o início do debate sobre moedas digitais, mais de uma década atrás. Ao mesmo tempo, o surgimento de Libra, a moeda digital criada pelo Banco Central da China e a pandemia de Covid-19 aceleraram a discussão.

A pandemia gerou questões existenciais sobre dinheiro. Para Giancarlo, elas se estendem a vários setores da economia e da sociedade norte-americanas.

“(Isso vai) além de reguladores, banqueiros centrais e formuladores de políticas, mas também a pessoas comuns, especialmente aquelas que não têm acesso total ao sistema bancário. De repente, estamos fazendo a pergunta: como conseguir alívio imediato e adequado para uma crise?”

Em março, o Senado dos EUA aprovou um projeto de lei que estipula a criação de um dólar digital. A medida supostamente faria parte dos esforços para a criação de programas de renda básica no país, visto que a versão digital tornaria os pagamentos mais baratos e ágeis.

Leia também: Goldman Sachs divulga relatório que repudia Bitcoin e ouro como investimentos

Leia também: Ratinho promove mais uma empresa acusada pirâmide financeira com criptomoedas

Leia também: Exchange brasileira vai listar a stablecoin atrelada ao dólar USDC

Forex Crypto News: Cripto Facil