O PIX será um desastre financeiro? Veja no Debate Descentralizado

Certamente você já ouviu falar sobre o PIX, sistema de pagamentos do Banco Central. De acordo com a entidade, o serviço inovador possibilitará que o dinheiro saia de uma conta para outra em poucos segundos durante 24 horas, nos 7 dias da semana.

As transferências poderão ser feitas inclusive entre contas de diferentes instituições. Ademais, as transações serão facilitadas, podendo ser feitas através de códigos QR, chaves de endereçamentos e aproximação física dos dispositivos.

O PIX ainda funcionará via caixas eletrônicos, on-line e em aplicativos móveis.

Contudo, nem tudo são flores nesse ambiente. O PIX, ao contrário dos ativos digitais que já oferecem essas características, é centralizado. Ou seja, não traz a segurança do Bitcoin.

Um sistema com uma grande centralização se torna um alvo fácil para atacantes, pois é muito mais simples para um hacker se concentrar em um serviço que está em apenas um local do que em uma rede distribuída ao redor do mundo.

Para você realizar uma transação de Bitcoin, não é necessário informar seu CPF, número de celular, CNPJ ou qualquer outro dado considerado válido.

Para utilizar o PIX, essas informações serão necessárias. Outro fator é a necessidade de ter conta corrente em um banco, instituição de pagamento ou fintech. Certamente, uma grande barreira de entrada não observada nos criptoativos.

Enquanto o PIX ainda precisa provar se realmente funcionará 24/7, Bitcoin, Dash e demais ativos digitais já mostraram que são capazes de segurar o recado.

Apesar do PIX ser muito revolucionário, apresenta alguns pontos de falha que você pode se aprofundar mais no Debate Descentralizado apresentado por Rodrigo Digital, no canal Dash Dinheiro Digital.

Veja os assuntos debatidos:

  • Segurança da rede;
  • Cuidados do Banco Central para evitar fraudes no sistema;
  • Maior controle da entidade monetária nas operações financeiras;
  • Falhas já identificadas no projeto até o momento.

Aviso: O texto apresentado nesta coluna não reflete necessariamente a opinião do CriptoFácil.

Leia também: “Bitcoin vai disparar ou morrer”, diz previsão de 10 anos

Leia também: Segurança do PIX é “extremamente frágil”, alerta ex-diretor do Bacen

Leia também: Pagamentos em Bitcoin podem ser feitos pelo Telegram

Forex Crypto News: Cripto Facil