Líderes da Unick captam clientes para suposta nova pirâmide

Líderes da Unick captam clientes para suposta nova pirâmide

A Unick, ou Unick Forex, foi uma pirâmide financeira desmantelada em 2019 que lesou diversos brasileiros. O prejuízo causado pelo esquema está na casa dos bilhões de reais.

Agora, parece que antigos líderes desta pirâmide estão tentando recrutar investidores para outra suposta pirâmide. Trata-se da Money Right, cujo modelo de negócio é conhecido como “ajuda mútua”.

Áudios de antigos líderes da Unick foram divulgados pelo canal Verdades que Chocam.

Unick de novo?

O vídeo publicado na segunda-feira (11) pelo canal Verdades que Chocam exibe diferentes áudios de diferentes ex-líderes da Unick.

O próprio Pedro, apresentador do canal, foi vítima da Unick Forex. Por isso, segundo o próprio, surgiu a motivação de tentar expor supostos golpes.

Em um dos áudios, um homem que se identifica como “Joanir” afirma que já perdeu dinheiro em nove empresas de ajuda mútua. Contudo, ele promete a outros integrantes da Money Right que essa será diferente.

Ajuda mútua é um sistema de marketing multinível. A pessoa interessada em se juntar “doa” um valor e precisa correr atrás de novos membros para aumentar sua graduação na empresa.

Quanto maior for a graduação, maiores são os bônus que o investidor recebe. Porém, o formato se assemelha muito a uma pirâmide financeira.

Caso o investidor não consiga novos integrantes, ele não receberá o dinheiro “doado” de volta. Se uma empresa promete rendimentos a uma pessoa por meio exclusivamente da entrada de novos membros, trata-se de uma pirâmide financeira.

Em uma apresentação da Money Right no YouTube, um líder da empresa fala sobre a legalidade do modelo de negócio. Ele até mesmo cita o artigo 541 do Código Civil, que fala sobre doação.

Legalidade

De fato, não é ilegal doar valores a outra pessoa. O problema é que a empresa oferece ganhos sobre a “doação” e, não só isso, sugere a captação de terceiros.

A oferta pública de serviços de rendimento, sem autorização da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), é qualificada como irregular.

Até mesmo o coronavírus é utilizado para gerar apelo a possíveis investidores, tentando causar uma proximidade citando as dificuldades financeiras geradas pela crise econômica.

Em suma, o modelo de negócio é muito similar a uma pirâmide financeira e não há autorização da CVM. Assim, é prudente uma profunda análise antes de investir na Money Right.

Nada de criptomoedas

Embora os líderes da Unick estejam na Money Right, a empresa não menciona criptomoedas.

Seu discurso foca totalmente no modelo de ajuda mútua, não seguindo o mesmo caminho utilizado pela Unick.

De qualquer forma, ainda é necessário ter atenção ao considerar investir nesta nova empresa.

Leia também: Trader indica 5 criptomoedas que podem disparar 100 vezes em breve

Leia também: Trader com R$ 1 bilhão em criptomoedas revela seus investimentos

Leia também: Veterano das criptomoedas perde R$ 500 mil em golpe

Forex Crypto News: Cripto Facil