Hackathon promovido pela Prefeitura de Fortaleza terá capacitação em blockchain

Hackathon promovido pela Prefeitura de Fortaleza terá capacitação em blockchain

A Prefeitura de Fortaleza, capital do Ceará, irá promover no mês de março o I Hackathon Iracema, que vai reunir entusiastas da tecnologia em uma maratona de desafios. As atividades do evento serão realizadas na Casa da Cultura Digital de Fortaleza e na Casa de Cultura Belchior. Além da competição, haverá uma programação aberta ao público em geral. O evento tem como objetivo estimular o desenvolvimento de soluções criativas e inovadoras voltadas para o setor de turismo, empreendedorismo e segurança pública para melhorar o bairro Praia de Iracema. 

Uma das atrações, exclusiva para maratonistas será a capacitação sobre tecnologia blockchain que será ministrada por Fernando Sobreira, coordenador do laboratório de IoT (Internet das Coisas) do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação (Nati) da Universidade de Fortaleza.

Sobre as atividades

Os maratonistas participarão de atividades exclusivas nos dias 14, 21 e 29 de março. Já os dias 27 e 28 de março serão destinados aos visitantes que poderão participar de oficinas de podcast, modelagem e impressão 3D, chatbot, bate-papos, exposições, just dance, shows e outras.

A Universidade de Fortaleza terá um stand no evento e apresentará ao público produtos interativos produzidos pelo Programa de Integração Acadêmica do Nati. 

Outra atividade de destaque será uma oficina direcionada à construção de Chatbot, programa de computador que simula um ser humano na conversação com as pessoas. A atividade será oferecida pelo coordenador do laboratório de Sistemas em Computação Cognitiva, também do Nati, Matheus Mafra. 

Sobre o evento, o assessor da Diretoria de Tecnologia da Universidade de Fortaleza, Ricardo Lima, destacou:

“É um momento para incentivar o corpo docente e discente da Universidade de Fortaleza a contribuir de forma direta na melhoria da cidade.”

O I Hackathon Iracema é promovido pela Prefeitura de Fortaleza com a Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação de Fortaleza (CITINOVA), em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI) e as instituições de ensino superior Universidade de Fortaleza (Unifor), Universidade Federal do Ceará (UFC) e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

Sobre a maratona

Para participar da competição, é necessário realizar uma inscrição presencial e gratuita no dia 14 de março no Centro Cultural Belchior. Os competidores devem formar uma equipe de 3 a 5 integrantes que sejam criativos e tenha habilidades tecnológicas capazes de utilizar os seus conhecimentos para soluções web e/ou mobile. A equipe precisará ainda de um computador pessoal com capacidade de conexão wireless para o desenvolvimento das atividades durante a maratona.

A primeira etapa da competição será no dia da inscrição, quando os candidatos irão participar de uma atividade para a seleção de 6 a 8 equipes que irão para as próximas fases. Ao final da competição, a comissão escolherá três projetos que avançarão para a última etapa de onde sairá o vencedor. 

A competição irá premiar o melhor projeto com R$10 mil em dinheiro, US$10 mil em armazenamento na Oracle, além de um espaço para trabalho e materiais para o desenvolvimento da solução. O segundo lugar receberá R$2 mil e o terceiro R$1 mil.

Leia também: Exclusivo: Empresa brasileira cede plataforma blockchain para União transferir recursos aos municípios

Forex Crypto News: Cripto Facil