Gas Limit, Gwei e Gas: entenda os principais custos do Ethereum

Gas Limit, Gwei e Gas: entenda os principais custos do Ethereum

Os termos Gas Gwei ficaram bastante conhecidos nas últimas semanas. Se você leu algum texto sobre as fortes altas nas taxas do Ethereum, certamente já deve ter visto eles por aí.

Mas o que significa cada um deles? E como saber exatamente de que forma são calculadas essas taxas? É sobre isso que vamos falar hoje.

Gas, Gwei, Limit… o que?!

Em primeiro lugar, o Ethereum, assim como qualquer outra blockchain, cobra taxas pela sua utilização. Essas taxas servem para remunerar os mineradores responsáveis por aprovar cada transação.

Ao contrário de redes como o Bitcoin, o Ethereum faz mais do que apenas transferir valores. Por isso, a demanda de uso dela é mais variada. Além da própria Ether (ETH), tokens ERC-20 e contratos inteligentes também circulam no Ethereum.

E todos possuem um preço.

Em resumo, os termos significam o seguinte:

  • Gwei: é a unidade de medida na qual o Gas é contabilizado;
  • Gas: é o valor cobrado cada vez que uma transação ou contrato inteligente são executados no Ethereum;
  • Gas limit: é a quantidade máxima que uma transação exige para ser executada na rede.

Gwei

Assim como o Bitcoin, a ETH pode ser dividida em pequenas unidades. Essas unidades são chamadas de Satoshis no Bitcoin; na ETH, elas levam o nome de Wei.

Enquanto um Bitcoin pode ser dividido em até 100 milhões de Satoshis, a ETH é muito mais divisível. Por convenção, cada ETH equivale a 1.000.000.000.000.000.000 de Wei (um quintilhão de Wei).

Gwei é uma das unidades de medida da ETH. Trata-se da quantidade de Gas cobrada em Wei. Ela equivale a 100 milhões de Wei.

O nome Wei foi dado em homenagem ao criptógrafo Wei Dai, um dos inspiradores de Satoshi na criação do Bitcoin.

Você pode converter as unidades de Wei, Gwei e ETH através do site ETH Converter. Além do Wei e do Gwei, existem outras unidades que você pode conferir no quadro abaixo.

ETH Converter
ETH Converter

Gas

Como vimos, o Gas é a quantidade que será cobrada em cada transação no Ethereum. Esse valor pode variar de acordo com vários fatores, como a demanda pela rede e o tipo de operação.

Por exemplo, uma transação de ETH consumirá uma quantidade de Gas. Já a execução de um contrato inteligente consumirá outra quantidade, e assim por diante.

Existem dois tipos de valores a serem considerados: o Gas Limit e o Gas Price.

  • Gas Limit: é o total de Gas que uma transação poderá consumir. Esse valor muda de acordo com a operação. Caso seja fornecido Gas em excesso, o excedente é convertido em ETH e devolvido. Porém, caso seja fornecida uma quantidade de Gas insuficiente, essa quantidade é rejeitada pelo minerador e a transação é revertida para o usuário. Na dúvida, envie sempre um valor a mais, pois não há custos para isso;
  • Gas Price: essa é a quantidade de Gwei que o remetente está disposto a pagar por cada Gas. Essa taxa pode ser definida de acordo com a pressa em enviar a transação. Se o objetivo é ter uma transação mais rápida, o Gas Price terá que ser alto. Se quiser economizar, o remetente pode baixar o Gas, mas terá uma prioridade menor no envio da transação.

O site Ether Gas Station permite saber o Gas Price da rede no momento. Assim, você pode ajustar a taxa de acordo com a prioridade que deseja na operação.

Leia também: Bitcoin chegará aos R$ 854 mil em 2024, afirma famoso analista

Leia também: Baleias de Ethereum crescem durante queda no preço

Leia também: Golpe em DeFi: fundador do Sushi vende tokens e desaparece

Forex Crypto News: Cripto Facil