Exchange brasileira atinge marca de R$ 15 bilhões negociados

Exchange brasileira atinge marca de R$ 15 bilhões negociados

A exchange de criptomoedas Mercado Bitcoin (MB) lançou uma nova marca para celebrar um momento histórico.

A corretora alcançou 2 milhões de clientes e mais de R$ 15 bilhões negociados em 7 anos de existência.

Segundo a exchange, o novo design apresentado para a marca acompanha seu posicionamento.

Reformulação da plataforma

Em um comunicado compartilhado com o CriptoFácil nesta segunda-feira (21), o MB informou que também fez melhorias em sua plataforma.

Assim, a nova versão repaginada e melhorada é uma resposta aos pedidos de seus clientes, conforme explicou a corretora. 

Além disso, o site foi totalmente reformulado. Agora, os clientes terão acesso a novas funcionalidades, com mais facilidade de navegação e negociação de criptoativos.

“Desde 2013, a exchange atua para construir o mercado financeiro do futuro por meio da transformação da relação das pessoas com o dinheiro, oferecendo uma nova maneira de investir em criptomoedas e ativos alternativos”, destacou a corretora.

Marca histórica para contexto de pandemia

Ainda segundo o comunicado, nesses 7 anos, o Mercado Bitcoin cadastrou 2 milhões de CPFs na plataforma. Portanto, trata-se da mesma quantidade de CPFs que a Bolsa de Valores registrou nos últimos nove anos.

Em 2017, por exemplo, quando houve o grande boom do Bitcoin, a corretora disse ter registrado um crescimento de 367% no número de clientes. Na ocasião, o MB alcançou 870 mil CPFs cadastrados.

Em 2019, apenas 2 anos depois, esse número saltou para 1,8 milhão, representando um crescimento de 110%.

O CEO do Mercado Bitcoin, Reinaldo Rabelo, ressaltou a importância do feito em um ano como 2020.

Segundo ele, nesse momento em que a economia global enfrenta grandes desafios de reconstrução por conta da pandemia, atingir 2 milhões de clientes torna o marco ainda mais especial:

“Essa conquista é fruto do poder da tecnologia e da criptoeconomia”, comemorou. “Nestes sete anos, concentramos nossos esforços para construir um ecossistema revolucionário que nos permite explorar outros ativos, atrair novos clientes e seguir transformando a relação das pessoas com o dinheiro e nossa nova marca reflete todo esse trabalho da nossa equipe.”

Leia também: Segurança do PIX é “extremamente frágil”, alerta ex-diretor do Bacen

Leia também: Uniswap deu mais de R$ 1 bilhão para 140 mil endereços

Leia também: Bancos ajudaram a lavar mais de R$ 10 trilhões, revelam documentos

Forex Crypto News: Cripto Facil