Especialista fala sobre mudanças na mineração de Bitcoin após o halving

Especialista fala sobre mudanças na mineração de Bitcoin após o halving

O tão aguardando halving do Bitcoin ocorreu no dia 11 de maio. A redução pela metade das recompensas de mineração trarão mudanças ao mercado de criptoativos.

Consequentemente, a mineração não deixará de ser afetada. Desta forma, o CriptoFácil conversou com Bernardo Schucman, CEO da FastBlock. O objetivo é entender melhor algumas questões sobre o mercado de mineração após o halving.

Aumento de pools de mineração

Muito se especulou sobre a hash rate do Bitcoin após o halving. Pools de mineração aguardavam uma queda, contudo, a hash rate ainda não foi afetada.

De qualquer forma, o corte na recompensa pode inviabilizar a “mineração caseira”. Nesse sentido, o CriptoFácil perguntou a Schucman o que ele acredita que mais mudará na mineração após o halving.

O CEO da revendedora autorizada da Bitmain na América Latina respondeu:

“A maior mudança será o aumento do tamanho padrão dos centros de dados voltados para mineração. Um aumento real na escala dos pools de mineração ocorrerá, visando adequação às novas métricas financeiras de retorno. Mineradores industriais irão aumentar a economia de escala com pools de mineração maiores.”

Desta forma, nota-se que a previsão de Schucman diz respeito ao aumento de pools de mineração. O aumento não diz respeito à quantidade, mas ao tamanho das operações já existentes.

Valor ideal para mineração

O valor ideal do BTC após o halving para a mineração ainda não é um consenso. Especialistas já afirmaram ser US$ 13 mil, US$ 7 mil e até US$ 6 mil.

Para Schucman, o valor está entre estas faixas:

“Eu estimo que o preço de BTC viável para mineração seja em torno de US$ 10 mil após o halving.”

O Bitcoin está próximo da marca, cotado a US$ 9.647,62 no momento da escrita desta matéria.

Entretanto, é importante ressaltar que o valor ainda não está pacificado. É necessário entender o impacto do halving na mineração para estipular um valor ideal.

Mineração ainda será lucrativa?

Para Schucman, é inevitável que a lucratividade de mineradores em escala não industrial caia. Entretanto, o CEO da FastBlock previu “ganhos bem interessantes” para boa porção dos mineradores da rede:

“A lucratividade da mineração para operadores não industriais com certeza vai cair. Porém, a maior porção de mineradores na rede ainda vai trabalhar com ganhos bem interessantes.”

Isto posto, a mineração caseira de fato será inviabilizada. Por outro lado, o modelo de negócio dos mineradores segue firme.

Leia também: “Pessoas pobres devem comprar Bitcoin”, recomenda ex-trader de Wall Street 

Leia também: Análise do Bitcoin; Confira o que esperar após o halving do BTC

Leia também: Você vai querer ter comprado Bitcoin e guardado, afirma bilionário

Forex Crypto News: Cripto Facil