Elon Musk afirma que pode usar criptomoedas na colonização de Marte

Elon Musk afirma que pode usar criptomoedas na colonização de Marte

O executivo-chefe da Tesla, Elon Musk, está cogitando a possibilidade de usar criptoativos para impulsionar uma economia futura em Marte.

Musk também dono da empresa de exploração do universo, SpaceX, e planeja lançar a primeiro missão tripulada para Marte em 2024.

Criptomoedas em Marte?

Segundo Musk, o objetivo é “colonizar o planeta vermelho”. Nesse sentido, ele informou que sua “cidade” em Marte deve ficar pronta até 2040 e que ela terá uma economia e regras próprias.

Em resposta a uma discussão iniciada pelo pesquisador de inteligência artificial, Lex Fridman, o chefe da empresa de veículos elétricos ofereceu uma resposta direta quando questionado se a economia marciana funcionará com criptomoedas.

“Sim”, disse Musk.

Após a resposta de Musk, a criptoesfera passou a se perguntar qual seria o criptoativo a ser usado no projeto. Afinal, o dono da Tesla não é um entusiasta do Bitcoin.

Quando Musk comenta o mercado de criptomoedas, declara preferir Dogecoin (DOGE).

Inclusive o último impulso da DOGE foi quando Musk saudou o feriado de final de ano com a imagem de uma mulher vestindo shorts Dogecoin.

Além disso, a criptomoeda viu uma alta de 20% após Musk mencioná-la no Twitter.

“Uma palavra: Doge”, disse ele.

DOGE como moeda de reserva

Em julho, Musk compartilhou um tuíte sugerindo que Dogecoin poderia assumir o controle da economia global. Assim, para ele, a criptomoeda teria potencial para e se tornar uma moeda de reserva.

“É inevitável”, comentou na ocasião.

Após o tuíte, a Dogecoin subiu novamente quase 20%.

CEO da MicroStrategy sugeriu BTC

Conforme noticiou o CriptoFácil recentemente, o CEO da MicroStrategy, Michael Saylor, aconselhou Musk a investir no BTC.

Após Musk postar um meme provocativo sobre a força necessária para ignorar o Bitcoin, Saylor sugeriu:

“Se você quiser fazer um favor de US$ 100 bilhões aos seus acionistas, converta o balanço patrimonial da TSLA de USD para BTC. Outras empresas no S&P 500 seguiriam sua liderança. E, com o tempo, ele cresceria e se tornaria um favor de US$ 1 trilhão”, provocou.

Leia também: Bitcoin dispara e analistas acreditam nos US$ 30.000

Leia também: Criptomoeda dispara 550% em meia hora após polêmica

Leia também: App permite ganhar Bitcoin jogando Counter-Strike

Forex Crypto News: Cripto Facil