CTO da Bitfinex diz que USDT é registrado e não será alvo da CVM dos EUA

CTO da Bitfinex diz que USDT é registrado e não será alvo da CVM dos EUA

Após rumores de que o próximo alvo da Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC, na sigla em inglês) seria a stablecoin emitida pela Tether, USDT, o CTO da Bitfinex, Paolo Ardoíno, se pronunciou rechaçando a possibilidade.

Como lembrou o executivo, o criptoativo de mais de US$ 20 bilhões de valor de mercado é devidamente registrado e regulamentado. Diferentemente do XRP da Ripple, conforme acusa o regulador.

USDT não está na mira da SEC

Em seu perfil no Twitter, Ardoino rebateu as insinuações de que a SEC estaria de olho no USDT. Ele ainda destacou que há pessoas que pretendem se beneficiar disseminando essa desinformação.

Ardoino retuitou a postagem do analista e CEO da CryptoQuant, Ki Young Ju, que dizia que se o próximo alvo da SEC fosse a Tether, seria muito ruim para a corrida de alta do BTC. Isso porque, segundo ele, o mercado depende fortemente do USDT.

Em seu tuíte, Ju sugeriu que o USDC da Circle seria a “stablecoin mais legalmente regulamentada”. E, por isso, substituiria o USDT caso a SEC agisse contra Tether.

“Lembrete: #Tether está registrada e regulamentada sob a FinCEN [Rede de Combate a Crimes Financeiros dos EUA] como todos os concorrentes centralizados. Regras estritas de KYC/AML são aplicadas a todos os usuários diretos do Tether, como os outros emissores principais estão fazendo. Menos regulamentado é apenas FUD [Medo, incerteza e dúvida]. Pergunte a si mesmo: quem se beneficia com a divulgação de tal desinformação?”, respondeu Ardoino.

Quem concorda com o CTO da Bitfinex é o economista Alex Kruger. Ele explicou que a SEC não teria como alvo Tether porque as emissões não estão relacionadas a títulos não registrados. Portanto, estariam sob a responsabilidade de uma agência diferente.

O advogado Jake Chervinsky completou dizendo que é muito difícil imaginar Tether na lista de alvos prioritários da SEC:

“As stablecoins são a coisa mais difícil de classificar como um título de segurança”, disse.

Leia também: Especialistas fazem previsões para preço do Bitcoin em 2021

Leia também: Escassez do Bitcoin vai manter a presente alta, indica estudo

Leia também: Binance pagará R$ 50 milhões para usuários lesados por criptomoeda

Forex Crypto News: Cripto Facil