CEO da MicroStrategy: Tesla tirou o risco de investir em Bitcoin

CEO da MicroStrategy: Tesla tirou o risco de investir em Bitcoin

O mercado de criptomoedas foi chacoalhado na segunda-feira (8). A Tesla revelou em seu relatório ao regulador dos Estados Unidos que comprou mais de R$ 7,5 bilhões.

Uma alta significativa seguiu a notícia, com o BTC atingindo novas máximas históricas. O CEO da MicroStrategy, Michael Saylor, elogiou a ação da Tesla.

Saylor, que já havia convidado Musk a comprar Bitcoin, disse que a Tesla tirou o risco para instituições de comprar BTC.

Tirando o risco

Recentemente, a MicroStrategy realizou um evento com representantes de mais de 1.400 empresas. Durante os dois dias de duração do evento World 2021, haviam painéis dedicados à adoção institucional de Bitcoin.

É importante ressaltar que a MicroStrategy possui mais de 70 mil BTC em seu tesouro.

Na segunda-feira, em entrevista à CNBC, Saylor comentou a ação da Tesla de comprar mais de R$ 7,5 bilhões em BTC. Quem falou sobre a entrevista foi Michael Sonnenshein, atual CEO da Grayscale:

“A Tesla tirou o risco para várias instituições… Você vai ver mais e mais CFOs olhando para o Bitcoin, disse o Michael Saylor na CNBC.”

CEO da Grayscale comenta sobre entrevista de Michael Saylor
CEO da Grayscale comenta sobre entrevista de Michael Saylor. Fonte: Michael Sonnenshein/Twitter

Somado à “evangelização” feita por Saylor a grandes empresas sobre o Bitcoin, é possível que o investimento da Tesla de fato chame atenção de outras grandes corporações.

Dan Held, chefe de crescimento da Kraken, comentou que a afirmação é “grande”. Ao mesmo tempo, o perfil da CoinStats afirmou que esse é o início de um “efeito dominó”.

Por sua vez, Andrew Lee da exchange descentralizada DAOfi também se posicionou de forma favorável, acrescentando que mais empresas publicamente listadas moverão ativos líquidos para o Bitcoin.

Ainda não é certo quais serão as consequências da entrada da Tesla. De qualquer forma, grandes figuras do ramo de criptomoedas estão otimistas.

CEO do Digital Currency Group já sabia

Um dos otimistas é Barry Silbert. Ele é ex-CEO da Grayscale e atual CEO do Digital Currency Group, grupo que controla a Grayscale.

Conforme indicado por diferentes entusiastas das criptomoedas, ele já sabia dos planos de Elon Musk. Desde dezembro de 2020, o empresário já havia falado que “estava de olho” em Elon Musk.

No dia 9 de janeiro de 2021, Silbert deu uma dica ao afirmar que o Twitter perderia a cabeça quando Elon Musk e a Tesla revelassem quanto possuem em Bitcoin.

Na frase, Silbert disse “quando” em vez de “se”. Desta forma, a afirmação é um forte indício de que ele já sabia da compra um mês antes da revelação pública.

Então, no dia 28 do mesmo mês, Silbert afirmou que “uma onda de capital” entraria no mercado de criptomoedas. Possivelmente, a afirmação também era sobre a Tesla.

Por fim, ele desejou “boa sorte” para Elon Musk na “corrida para comprar Bitcoin”, publicando novamente uma afirmação feita em setembro de 2020:

“Aparentemente, há uma corrida para comprar Bitcoin entre MicroStrategy e Grayscale.

O jogador número 3 entrou na corrida. Boa sorte, Elon Musk.”

Silbert deseja "boa sorte" a Elon Musk
Silbert deseja “boa sorte” a Elon Musk. Fonte: Barry Silbert/Twitter

Leia também: Criptomoeda já acumula alta de 70% e pode valorizar ainda mais

Leia também: R$ 1,8 bilhão em Bitcoin: mais uma empresa quer investir

Leia também: Humorista brasileiro investe em Bitcoin e exalta Elon Musk

Forex Crypto News: Cripto Facil