Briga entre FMI e os Bancos Centrais: quem ganha é o Bitcoin

Briga entre FMI e os Bancos Centrais: quem ganha é o Bitcoin

Logo após a Segunda Guerra Mundial, o acordo de Bretton Woods surgiu para reger a política econômica global. Trata-se de um acordo entre bancos centrais de diversos países.

Por surgir de 45 nações aliadas, o acordo nasceu com o intuito de facilitar o comércio internacional, padronizar as políticas cambiais e construir um sistema financeiro multilateral entre os países.

Contudo, com a vitória dos Estados Unidos da guerra, o sistema fez com que os EUA saíssem com vantagens não apenas em relação aos países, mas em toda a economia mundial.

O acordo de Bretton Woods afirmava que os bancos centrais deveriam ter em caixa o equivalente de ouro para as notas de papel em circulação. Ou seja, o papel-moeda era de fato atrelado ao metal precioso.

Todavia, com o grande poder nas mãos dos EUA, em 1971, o presidente americano Richard Nixon teve forças para cancelar o acordo. Como resultado, o dólar passou a ser garantido pelo governo americano, pois a economia dos Estados Unidos, de acordo com Nixon, era muito forte.

Esse sistema não conseguiu se sustentar, pois a economia americana está se deteriorando. Além disso, surgiram os criptoativos, que não têm sua confiança atrelada a nenhum governo.

Olhando para esse cenário, o Fundo Monetário Internacional (FMI) apontou que essa pode ser a hora de os países lançarem suas moedas digitais. Ainda, o fundo está pedindo um novo acordo de Bretton Woods onde o papel-moeda precisa estar atrelado a algo.

Quer saber o impacto dessa decisão? Se ela fará alguma mudança na economia tradicional ou no meio blockchain? Assista ao Debate Descentralizado do canal Dash Dinheiro Digital apresentado por Rodrigo Digital.

Leia também: Criptomoedas são escolha de investimento com Selic em baixa

Leia também: O Mercado Tradicional está acordando para o Bitcoin!

Leia também: Análise do Bitcoin: expectativa dos R$ 100 mil aumenta com alta do dólar

Forex Crypto News: Cripto Facil