Bitcoin supera desempenho de todos os bancos dos EUA em 2020

Bitcoin supera desempenho de todos os bancos dos EUA em 2020

O Bitcoin já superou os rendimentos de fundos de investimentos e ações no Brasil. Agora, sua valorização supera até mesmo a do setor financeiro dos Estados Unidos, um dos mais sólidos do mundo.

O gráfico abaixo ilustra bem a diferença de desempenho. Nele podemos ver a comparação entre o Bitcoin e as ações dos bancos JPMorgan, Goldman Sachs, Bank of America e Citigroup.

BTC/USD
BTC/USD

Bitcoin dispara no terceiro trimestre

Desde o início do quarto trimestre, o preço do Bitcoin disparou praticamente sem freios. Ele saiu de US$ 10.773 (R$ 59 mil) e chegou a encostar nos US $ 15.900 (R$ 87 mil).

No acumulado do período, são impressionantes 42% em menos de 2 meses. Essa é uma demonstração do forte impulso do criptoativo, que se descola cada vez mais dos ativos tradicionais.

Além disso, o desempenho do Bitcoin em 2020 também é impressionante. Segundo dados da Skew, apenas no primeiro trimestre o criptoativo não apresentou rentabilidade positiva.

Bitcoin (BTC)
Bitcoin (BTC)

Por outro lado, o mercado de bancos tem sofrido nos EUA. A pandemia de Covid-19 aliada aos juros baixos causou um forte impacto nos bancos, cujas ações tiveram fortes quedas em março.

A maioria dos principais bancos registrou resultados recordes no segundo trimestre. O JPMorgan, por exemplo, registrou uma alta de 32,63% desde março.

Ao mesmo tempo, a divisão comercial do Goldman registrou uma receita de US$ 4,55 bilhões (R$ 25 bilhões). O banco superou as expectativas de Wall Street com facilidade, apresentando um aumento de 29% ano a ano.

Porém, as ameaças de segunda onda da pandemia aumentaram os temores para o mercado de ações e a economia global.

Bitcoin desperta a atenção de mais investidores

O Bitcoin superou maciçamente o desempenho do setor financeiro, principalmente no quarto trimestre. Inclusive, ele despertou a atenção maciça dos investidores, segundo uma pesquisa da gestora Grayscale.

“Mais da metade dos investidores americanos estão interessados em investir em Bitcoin Em 2020, mais da metade (55%) dos entrevistados da pesquisa expressaram interesse em produtos de investimento em Bitcoin. Isso marca um aumento significativo em relação aos 36% de investidores que disseram estar interessados em 2019”, disse a empresa.

Leia também: Especialista explica alta recente do Bitcoin e de outros ativos

Leia também: Traders que apostaram na queda do Bitcoin perdem R$ 345 milhões

Leia também: Bitcoin e Ethereum resistem enquanto dólar declina com eleições dos EUA

Forex Crypto News: Cripto Facil