Bitcoin rompe os R$ 59.000 em rápida recuperação; Cardano valoriza 20%

Bitcoin rompe os R$ 59.000 em rápida recuperação; Cardano valoriza 20%

Após uma dura semana, o mercado de criptomoedas finalmente respira aliviado. Nesta sexta-feira (25), o mercado de Bitcoin saltou e rompeu os R$ 59.000.

A notícia é boa especialmente porque o dólar apresentou um recuo na quinta-feira (24). Desta forma, o disparo não é totalmente sustentado pelo dólar.

As altcoins também se beneficiaram, com Chainlink e Cardano valorizando dois dígitos.

Preço do Bitcoin hoje

De acordo com dados obtidos pela ferramenta WorldCoinIndex, o BTC avançou 2,95% nas últimas 24 horas contadas da escrita desta matéria. A cotação do BTC hoje é R$ 59.310,34.

Durante a madrugada, o BTC atingiu os R$ 60.240,05, sua máxima intradia. A mínima intradia, por sua vez, chegou até os R$ 57.569,99.

Segundo dados do IntoTheBlock, o número de endereços de BTC que estão lucrando avançou para 83% – 8% a mais nas últimas 24 horas.

Dos quatro indicadores que apontavam para uma baixa, um recuou. Agora, o mercado de Bitcoin apresenta três indicadores negativos e um neutro.

Em outras palavras, indicadores técnicos continuam apontando para uma queda.

Quanto ao volume de troca do BTC, cerca de R$ 114,1 bilhões foram movimentados nas últimas 24 horas.

Por fim, o gráfico do Bitcoin referente às últimas 24 horas pode ser visto abaixo:

Gráfico com as variações de preço do BTC nas últimas 24 horas
Gráfico com as variações de preço do BTC nas últimas 24 horas. Fonte: WorldCoinIndex

Dia de lucro para altcoins

As altcoins aproveitaram a boa fase para recuperar parte das perdas.

Litecoin, XRP e Ethereum valorizaram respectivos 5,76%, 6,45% e 4,64%. Quem se destacou no top 10 foi a Chainlink, com uma valorização de 15,73%.

No top 20, o destaque pertence à Cardano, que saltou 20% nas últimas 24 horas. Tezos, Neo e Stellar também cresceram significativamente, crescendo respectivos 7,62%, 7,81% e 4,72%.

Até o fechamento deste artigo, o valor total do mercado de criptoativos era de R$ 1,878 trilhão, R$ 34 bilhões a mais em relação ao dia anterior. A dominância do BTC está em 58,4%.

Por fim, a cotação do dólar utilizada para converter os valores foi de R$ 5,51.

Leia também: Trader que transformou 0,2 BTC em R$ 500 mil faz alerta sobre Bitcoin

Leia também: Justiça busca Bitcoins da Atlas Quantum em exchanges

Leia também: “Preço justo” do Bitcoin é R$ 80 mil, aponta Bloomberg

Forex Crypto News: Cripto Facil