Bitcoin e Ethereum serão superados por token DeFi, revela analista

Bitcoin e Ethereum serão superados por token DeFi, revela analista

O mercado de criptomoedas viu, em agosto, um fato inédito ocorrer.

Já que pela primeira vez na história um criptoativo conseguiu superar o valor do Bitcoin.

Esse acontecimento chamou a atenção dos traders e estrategistas que passaram a ver o mercado de DeFi como a melhor oportunidade atualmente.

YFI populariza

Exemplo disso é o famoso negociante de criptoativos e estrategista Michaël van de Poppe. Ele vê um enorme potencial nas novas finanças descentralizadas.

Poppe acredita que o destaque das finanças descentralizadas (DeFi) YFI poderá, em breve, valer quatro vezes o valor do Bitcoin.

O YFI, o símbolo de governança do protocolo DeFi Yearn.Finance., atingiu seu valor mais alto, de US$ 38.869, no final de agosto.

Trata-se de um aumento de 122.709% desde meados de julho quando o token valia apenas US$ 31,65, de acordo com a CoinGecko.

DeFi

Van de Poppe, também conhecido na indústria como Crypto Michaël, diz acreditar que o ativo continuará a crescer.

Pela cotação atual, o Bitcoin vale US$ 11.617, mas para Van de Poppe o YFI irá alcançar US$ 46.468 até o final do ano.

Em um novo vídeo do YouTube, Van de Poppe diz que não tem certeza sobre as perspectivas de curto prazo do Bitcoin.

Além disso, se o BTC cair para US$ 11.200, o trader pensa que pode cair, subsequentemente, para US$ 9.000.

No entanto, se o preço do Bitcoin subir para algo entre US$ 11.800 e US$ 12.000, Van de Poppe diz que, em breve, poderá subir para US$ 13.000 ou US$ 14.000.

Ethereum

Por outro lado, o trader está mais otimista com o Ethereum. Elé acha que a ETH e outras altcoins estão configuradas para ter um bom desempenho no curto prazo, desde que o Bitcoin não caia.

Van de Poppe ainda observa que os traders devem diminuir seus investimentos em altcoin se o Bitcoin atingir US$ 12.500.

Só que, para ele, mesmo que o Bitcoin caia, o YFI continuará sendo uma boa opção de compra e pode se fortalecer ainda mais com uma eventual desvalorização do BTC.

Leia também: Altas taxas do Ethereum ameaçam eficiência da rede

Leia também: Banco24Horas pode liberar saques de criptomoedas em seus caixas

Leia também: Bitcoin pode chegar a R$ 200 mil em dezembro, revela estudo

Forex Crypto News: Cripto Facil