Baleias planejam correção do Bitcoin para comprar mais barato, alerta trader

Baleias planejam correção do Bitcoin para comprar mais barato, alerta trader

A alta do Bitcoin (BTC) iniciada na quarta-feira (16) foi inesperada pelo mercado. O disparo no preço para além dos US$ 23 mil causou o efeito chamado FOMO, ou “medo de perder a oportunidade”.

Esse cenário, contudo, é favorável às “baleias”. Tratam-se de investidores com grandes quantias de Bitcoin, geralmente mais de 1.000 BTC.

Segundo o trader conhecido como Crypto Dog, as baleias estão tentando causar uma correção no BTC assustando os investidores. O objetivo é comprar mais BTC a um preço menor.

Correções no Bitcoin não naturais

É consenso geral que um ativo não pode estar sempre em alta, passando por fases de correção.

Entretanto, a volatilidade e “pequenas” correções exibibas pelo Bitcoin não são orgânicas para Crypto Dog. O trader compartilhou na tarde desta quinta-feira em seu Twitter:

“Queridos novatos, o Bitcoin não está caindo naturalmente. Ele está sendo empurrado para baixo pelas baleias, que estão criando ordens de venda em exchanges para fazer com que novatos e gestores de risco vendam.

Eles estão roubando suas economias e farão vocês comprarem a um preço maior.

Compartilhem isso.”

Em menos de uma hora, a publicação original já contava com 228 compartilhamentos. O trader até mesmo comentou que o engajamento com sua publicação era “assustador”.

É possível que tudo não tenha passado de uma piada de Crypto Dog. De qualquer forma, o conselho do trader é válido.

Mãos de alface

Não é incomum encontrar aqueles que se arrependeram de comprar Bitcoin a certo preço. Ou que, até mesmo, compraram e venderam cedo demais.

Os investidores que vendem no primeiro sinal de correção, fruto de desespero e medo de perder, são conhecidos como “mãos de alface”.

Tendo em vista a alta volatilidade do Bitcoin, principalmente no atual nível de preço — nunca visto antes, é normal que correções ocorram ao longo do dia.

Desta forma, é importante observar além do curtíssimo prazo, a fim de não vender BTC cedo demais — seja por influência das baleias ou não.

Leia também: Estudo indica 3 diferenças entre as altas do Bitcoin em 2017 e 2020

Leia também: Bitcoin pode disparar com entrada de instituições asiáticas, alerta analista

Leia também: Criador do Megaupload: “Bitcoin Cash vai valer US$ 3 mil”

Forex Crypto News: Cripto Facil