Baleias estão comprando mais Bitcoin desde o Natal

Baleias realizaram compras agressivas de Bitcoin desde o natal

O Natal costuma ser uma época de comemorações e compras. E enquanto muitos comemoram a alta do Bitcoin, os grandes investidores vão às compras.

De acordo com dados da Santiment, as baleias de Bitcoin estão comprando mais desde o Natal. Os dados mostram que a quantidade de endereços com mais de 1.000 Bitcoins teve um forte crescimento neste período.

Volume bilionário de grandes compras

De acordo com os analistas da Santiment, os grandes investidores compraram cerca de US$ 647 milhões em Bitcoin. O valor equivale a R$ 3,3 bilhões na cotação atual.

“Nas últimas 48 horas desde o Natal, os endereços de #Bitcoin com 1.000 ou mais $BTC agora possuem 0,13% a mais do que os endereços menores possuíam anteriormente. Isso é cerca de 24.158 BTC, o que se traduz em $ 647,7 milhões no momento da redação deste artigo”, disseram os analistas.

Utilizando a cotação deste momento (US$ 27 mil), 1.000 Bitcoins equivalem a mais de US$ 27 milhões. Já na atual cotação em reais (R$ 140 mil), são cerca de R$ 140 milhões.

Quantidade de carteiras com mais de 1.000 Bitcoins
Quantidade de carteiras com mais de 1.000 Bitcoins. Fonte: Santiment.

E não são apenas as compras que estão aumentando. Ki Young Ju, CEO da CryptoQuant, afirmou que as baleias também estão perdendo a vontade de vender.

“As baleias parecem esgotadas para vender. Menos baleias estão depositando nas bolsas. Acho que essa corrida de alta continuará à medida que os investidores institucionais continuarem comprando e a taxa de câmbio das baleias se mantenha abaixo de 85%”, disse.

Institucionais já acumulam 1 milhão de Bitcoins

Esses dados mostram que os investidores de alto patrimônio continuam consumindo o estoque de Bitcoin. O que confirma a tese de que o atual movimento de alta é sustentado por eles.

No entanto, não há como saber se esses investidores são individuais ou institucionais. Isso porque é quase impossível separar os dados on-line de cada tipo. O que se sabe é que a tendência mostra que os investidores com grande capital estão cada vez mais entrando no mercado.

Recentemente, o CriptoFácil apurou que cerca de 5% de todos os Bitcoins em circulação estão nas mãos de investidores institucionais. O grupo inclui desde empresas listadas em bolsa até fundos de investimento.

A Grayscale Investments é a principal “baleia-azul” do mercado, com mais de 600 mil Bitcoins sob custódia. A gestora foi a primeira instituição a acumular mais de 2% dos Bitcoins em circulação.

Leia também: Criptomoeda valorizou 1.700% em 2020 e pode manter alta

Leia também: Criptomoedas vão disparar após Bitcoin atingir US$ 40 mil, diz analista

Leia também: Trader perde R$ 9 milhões em token durante o Natal

Forex Crypto News: Cripto Facil