Vaza suposto processo de 1280 Bitcoins entre Rodrigo Marques, CEO da Atlas, e Bitfinex

Na tarde desta terça-feira (01), um suposto processo entre Rodrigo Marques (CEO da Atlas Quantum) e a exchange de criptomoedas Bitfinex tornou-se público e começou a circular em redes sociais. No documento, datado de fevereiro de 2019 e que pode ser visto na íntegra no final desta matéria, Rodrigo Marques narra os fatos que teriam ocasionado perdas no valor de 1.280(um mil duzentos e oitenta) Bitcoins.

Os fatos teriam ocorrido no dia 5 de agosto de 2018. Uma série de “transações não autorizadas e fraudulentas” teriam ocorrido nesta data e direcionado o montante supracitado para uma conta na própria exchange.

“A reivindicação do Reclamante diz respeito a uma série de transações não autorizadas e fraudulentas que ocorreram em 5 de agosto de 2018 através do uso de uma plataforma virtual de negociação de moedas conhecida como Bitfinex (“a Plataforma Bitfinex”). As transações não autorizadas ocorreram na conta do Reclamante(Rodrigo Marques) na Plataforma Bitfinex, da qual o Primeiro Réu era a contraparte contratante sob os termos de serviço para uso da plataforma Bitfinex. O  Segundo Réu é o proprietário e o operador do site www.bitfinex.com que hospeda a Plataforma Bitfinex. O produto das referidas transações não autorizadas foi depositado em uma conta mantida por um cliente do Primeiro Réu ou de sua entidade associada BFXNA Inc. A identidade desse cliente é atualmente desconhecida pelo Requerente e é o Terceiro Réu nesses processos. Como resultado de transações não autorizadas, o Reclamante sofreu uma perda de 1280 Bitcoins”  diz o documento.

A assessoria de imprensa da Atlas Quantum foi procurada para confirmar/comentar e esta matéria será atualizada assim que obtiver uma resposta.

Veja abaixo o documento na íntegra:

Leia também: Justiça brasileira diverge em processos contra a Atlas Quantum

Forex Crypto News: Cripto Facil