Transferência de 112 mil Bitcoins custa apenas 16 Reais de taxa

O CEO da exchange de criptomoedas Bitstamp destacou a utilidade do Bitcoin (BTC) depois que fundos que somavam quase US$1 bilhão foram transferidos por menos de US$4 em taxas, o equivalente a R$16 conforme cotação do dólar nesta terça-feira, 15 de outubro.

Segundo a publicação da Cointelegraph, como o recurso de monitoramento da blockchain BitInfoCharts confirmou nesta segunda-feira, 14 de outubro, a transação no provedor de carteira e armazenamento Xapo envolveu um total de 112.027,29 Bitcoins.

Anteriormente, a Bitstamp havia transferido cerca de 107.800 BTC de seus fundos para a Xapo, pagando uma taxa de 0,0234 BTC – ou 0,0000217%.

A transação subsequente, realizada pela própria Xapo, viu um valor ainda mais microscópico pago aos mineradores para aprovar a transferência dos fundos. Em US$3,89, a taxa da taxa era equivalente a 4,1724762780401154% – pequena demais para escrever com sensatez usando decimais padrão.

Como resumiu o CEO da Bitstamp Nejc Kodrics, os fundos “foram transferidos em uma única transação pelo preço de uma xícara de café”.

Quando a primeira transação ocorreu, outros entusiastas dos criptoativos notaram como era fácil usar o Bitcoin para grandes transferências de valores sem a necessidade de aprovação de governos ou de intermediários confiantes.

No entanto, a Bitstamp enviando criptomoedas para o Xapo levantou suspeitas por outro motivo. Segundo dados enviados ao Twitter, a transação viu 73 milhões de Bitcoin destruídos/dia (BDD).

A métrica implica que os fundos envolvidos não foram movidos por um período considerável de tempo antes de sair da carteira Bitstamp.

O BDD pode ser usado para avaliar o sentimento do investidor.

Leia também: Empresa brasileira GoMoney lança stablecoin pareada ao dólar dos EUA

Forex Crypto News: Cripto Facil