Saiba como realizar um empréstimo de DAI

A DAI é uma stablecoin padrão ERC-20 que possui valor pareado com o dólar estadunidense. Ela é emitida pela MakerDAO, plataforma de contratos inteligentes da rede Ethereum, responsável por também emitir o token Maker (MKR).

A DAI é uma interessante stablecoin pelos seus casos de uso, e talvez o mais notório deles seja a capacidade de pegar valores emprestados sem um intermediário. Os empréstimos ocorrem por meio de contratos inteligentes chamados posições colateralizadas de débito (CDPs).

Quando o CDP é gerado, DAIs são criadas e queimadas quando o empréstimo é pago. Os empréstimos são “sobrecolateralizados”, e funcionam por meio de Ethereum. Eles funcionam da seguinte forma: é preciso depositar e travar uma quantia em Ethereum equivalente a 1,5 vezes o que você deseja pegar emprestado em DAI. Ou seja, se o usuário pretende pegar 100 DAIs emprestados (US$100), é necessário colocar o equivalente a US$150 em Ethereum.

Ao retornar as 100 DAIs para o CDP, é necessário ainda pagar uma taxa em MKR conhecida como “taxa de estabilidade”, correspondente a 7,5% do valor retirado. É recomendado que, ao colateralizar a quantidade de DAI com Ethereum, o usuário coloque acima de 1,5 vezes do valor.

A razão por trás disso é que, uma vez que o valor do Ethereum decline e seja perdida essa razão, o CDP é liquidado. Liquidado o CDP, o Ethereum antes “travado” será vendido no mercado com 3% de desconto, e o usuário deverá pagar 13% de penalidade pela liquidação.

O empréstimo pode ser pago a qualquer momento, desde que a razão de colateralização seja mantida.

Onde pegar DAI emprestada?

No site da MakerDAO, é preciso clicar na aba “produtos” logo acima, posteriormente selecionando a aba “CDP Portal”. Na página que irá surgir, existem três opções de carteira: MetaMask, Trezor e Ledger.

Selecionada a carteira, você receberá a mensagem de que não possui CDPs em aberto. Neste momento, basta selecionar a opção de “Abrir CDP” para que a tela com as opções seja exibida.

É necessário preencher informações como a taxa de colateralização que, conforme informado acima, é de no mínimo 150%. Preenchidas as informações, caso o usuário esteja satisfeito com os termos do CDP, basta clicar em “Finalizar e criar CDP” para que o montante em DAI seja enviado para a carteira informado – lembrando que a quantia em ETH também será transferida para o CDP.

Importante ressaltar que muita atenção é necessária para controlar os níveis de colateralização, garantindo que o CDP não seja liquidado por conta própria. Para ajudar usuários de primeira viagem com esta questão, foi criado o aplicativo “CDP Saver“.

Após criado o CDP, o pagamento da quantia de DAI retirada pode ser feito conforme o usuário desejar, salientando apenas que o único problema é a liquidação automática do contrato.

Leia também: Stablecoin DAI sofre duro golpe após congestionamento da rede Ethereum

Forex Crypto News: Cripto Facil