Mercado de criptoativos em baixa e Bitcoin luta para manter-se acima de US$9 mil

O mercado de criptoativos despejou cerca de US$1 bilhão nas últimas 24 horas e, no momento da escrita, a grande maioria das criptomoedas estão operando no vermelho, em um cenário parecido com o visto há 24 horas.

No momento da escrita, o Bitcoin era cotado a US$9.139, conforme mostram dados da ferramenta Coinmarketcap. Nas útimas 24 horas, o principal criptoativo do mercado atingiu seu valor mais baixo em US$9.033, há poucas horas, e seu nível mais alto atingido não passou dos US$9.200. Parece que o BTC está lutando para manter seus ganhos recentes e continuar na faixa dos US$9 mil.

A Binance Coin é a única criptomoeda do top 10 que está valorizando nesta manhã, especificamente 0,4%. O restante dos criptoativos deste grupo compõem um mar vermelho, sendo o Bitcoin SV e a Tron os maiores prejudicados ao despejarem cerca de 4% cada um no dia. Na sequencia, o Bitcoin Cash registra menos 3% em seu valor nas últimas 24 horas.

No top 20, as coisas estão um pouco mais otimistas, com três criptoativos valorizando nesta manhã. A Tezos adicionou impressionantes 9% nas últimas 24 horas, e seguida dela, o Huobi Token registra 3% de ganho, seguido da Chainlink com mais 0,4% no dia. A Iota e a Dash são os maiores perdedores desta seção com menos 4% e 3% respectivamente.

Até o fechamento deste artigo, o valor total do mercado de criptoativos era de US$243 bilhões, ou seja, US$1 bilhão a menos do que há 24 horas. O movimento parece continuar sendo liderado pelo BTC, que apesar de registrar uma perda pequena no último dia, segue operando no vermelho. Sua dominância agora está em pouco mais de 67%.

Leia também: Criptoativos em correção maciça nas últimas 24 horas; Bitcoin se mantém nos US$9 mil

Forex Crypto News: Cripto Facil