IBM registra solução em blockchain para impedir que drones roubem entregas

A gigante do ramo tecnológico IBM registrou uma patente no dia 12 de novembro para prevenir roubos anônimos efetuados por drones, por meio de um altímetro que rastreia a altitude do drone e registra os dados em uma plataforma blockchain.

Conforme noticiado pela Coindesk nesta sexta-feira, 29 de novembro, a patente busca estar à frente de duas realidades modernas: pessoas comprando produtos online e pessoas pilotando seus drones pessoais. Pode ser um problema, afirma a IBM, caso ambas tendências sejam combinadas para meios escusos. A descrição da patente revela:

“A confluência do aumento no uso de drones e o aumento nas compras online cria uma situação na qual um drone pode ser utilizado com intenções escusas, como roubar anonimamente um pacote deixado na porta de uma pessoa após a entrega.”

A solução da IBM pretende colocar nos pacotes um sensor que é ativado somente ao detectar uma mudança na altitude que exceda o limite – ou seja, quando o objeto é levantado por um drone. O sensor atualiza periodicamente a blockchain com a altitude do pacote.

Não há indicações de que a IBM realmente planeja construir um dispositivo operacional. E, caso faça, a patente ainda prevê que a blockchain utilizada poderá conter dados de outros bancos de dados.

A descrição prevê ainda que a blockchain é o sistema preferencial, principalmente por conta das outras partes – o vendedor, o entregador, etc – terem influência sobre as informações registradas.

Ainda é incerto o quão frequentes são os furtos utilizando drones nos Estados Unidos, uma vez que a IBM não informou em sua patente.

Leia também: IBM lança parceria para certificar veterinários em blockchain

Forex Crypto News: Cripto Facil