Criptoativos em correção maciça nas últimas 24 horas; Bitcoin se mantém nos US$9 mil

Nesta quarta-feira, 30 de outubro, o mercado de criptoativos vivenciam uma correção maciça em seus preços, com a maioria esmagadora das principais criptomoedas operando no negativo nesta manhã. O Bitcoin, apesar de também ter passado por uma correção, continua cotado na faixa dos US$9 mil.

Até o momento da escrita, o preço do Bitcoin era US$9.147, conforme mostram dados da ferramenta Coinmarketcap. O principal criptoativo do mercado registra uma perda de pouco mais de 3% no dia e muitos analistas esperam ansiosos pelo próximo movimento do BTC, que poderia levá-lo a quebrar o seu suporte em US$9 mil.

Com exceção da Tether, todos criptoativos do top 10 estão operando no vermelho nesta manhã. A Tron é a maior prejudicada ao despejar pouco mais de 5% no dia. Além do BTC, Litecoin, EOS e Binance Coin também perderam cerca de 3% cada uma nas últimas 24 horas.

No top 20, as perdas são um pouco maiores. A Monero é o maior destaque negativo ao desvalorizar mais de 6% no último dia. Chainlink e Neo despejam 5% cada, enquanto Stellar e Dash perdem 3% cada nas últimas 24 horas.

O mercado de criptoativos despejou cerca de US$8 bilhões nas últimas 24 horas, e sua cotação, até o fechamento deste artigo, era de US$244 bilhões. Este movimento de correção parece ser liderado pelo Bitcoin que continua com a sua dominância na casa dos 67%.

Leia também: Mercado de criptoativos segue em alta; Bitcoin é cotado a US$9.400

Forex Crypto News: Cripto Facil