Confira os cinco criptoativos do top 10 que mais valorizaram em setembro

Diferente de agosto, o mês de setembro não foi tão duro com o mercado de criptoativos. Embora alguns deles tenham amargurado duras perdas, outros apresentaram apenas um escorregão.

Confira quais foram os cinco criptoativos entre os 10 maiores em valor de mercado que exibiram as melhores performances em setembro:

5 – Bitcoin (BTC)

O Bitcoin passou por uma dura queda no mês de setembro, que teve início no dia 23 do referido mês. Após sair da zona de US$10 mil em 23 de setembro, no dia seguinte, a criptomoeda dominante do mercado perdeu US$1.100 em seu valor.

A razão por trás da queda ainda é incerta, sendo possível afirmar apenas que ela rendeu ao Bitcoin um escorregão de 15% em seu valor – saindo de US$10.346,76 no início de setembro para fechar o mês cotado a US$ 8.293,87.

A queda fez com que seu valor de mercado escorregasse para US$36 bilhões, contudo, ela não afetou o volume de troca do criptoativo.

4 – EOS

A EOS é atualmente a sétima maior criptomoeda em termos de valor de mercado, mas ela não ficou ilesa dos danos sofridos em setembro no geral.

Após iniciar o mês a US$3,28, a EOS tropeçou 9,75% e foi parar em US$2,96. Em valor de mercado, isso se traduz em uma perda de US$286 milhões.

Quanto ao volume, este manteve-se dentro das variações esperadas, em uma média de US$1,8 milhão.

3 – Stellar (XLM)

A Stellar, que tem se mantido entre as 10 maiores criptomoedas em valor de mercado, também perdeu em setembro. Contudo, em comparação às perdas apresentadas pelos outros dois criptoativos já listados acima, é possível dizer que foi apenas um arranhão.

Após iniciar setembro cotada a US$0,0624, encerrou o mês em US$0,06214 –  uma queda de 1,6%. Seu volume apresentou alguns picos, saindo da costumeira zona dos US$100 milhões e atingindo marcas como US$576,3 milhões, além de ficar consistentemente acima dos US$200 milhões entre os dias 21 e 28 de setembro.

2 – XRP

O XRP, token nativo da rede Ripple, está no mesmo time da Stellar. Apesar de também apresentar um declínio em setembro, este foi de apenas 1,2%.

Saindo de US$0,258, o XRP terminou o mês cotado a US$0,255. Tal movimento acarretou em uma perda de US$55 milhões em valor de mercado.

Seu volume de troca manteve-se na costumeira zona de US$1 bilhão, embora tenha alcançado os US$2 bilhões em alguns dias de setembro.

1 – Ethereum (ETH)

O Ethereum, a maior altcoin do mercado de criptoativos, foi a única moeda digital a apresentar ganhos no mês de setembro entre as 10 maiores em valor de mercado.

Após iniciar setembro em US$171,63, o Ethereum escalou até atingir US$179,87. Inclusive, em 19 de setembro, a altcoin chegou a atingir US$221,28 – embora tenha declinado após esta data e finalizado em US$179,87.

Com o avanço, o Ethereum conquistou US$1 bilhão em valor de mercado. Seu volume de troca ficou dentro da zona dos US$6 bilhões durante boa parte do mês de setembro, embora tenha apresentado alguns picos na região dos US$9 bilhões durante alguns dias – bem como na região dos US$11 bilhões.

Leia também: Conheça os cinco criptoativos do top 10 com as melhores performances em agosto

Forex Crypto News: Cripto Facil