Confira os cinco criptoativos do top 10 que mais valorizaram em outubro

Outubro manteve a tendência de setembro e foi um mês de avanço para os criptoativos. Diferente dos últimos meses, dessa vez, não serão listadas as criptomoedas com as performances “menos piores”.

Confira abaixo os cinco criptoativos do top 10 que tiveram os melhores desempenhos em outubro.

5 – EOS

A EOS é a oitava maior criptomoeda do mundo em valor de mercado e foi o quinto criptoativo com a melhor performance em outubro entre os 10 maiores. Seu avanço foi de 10,81%, saindo de US$2,96 para US$3,28.

Com a valorização, seu valor de mercado cresceu em mais de US$300 milhões e seu volume de troca manteve-se firme acima da faixa de US$2 bilhões nos últimos cinco dias do mês. Assim como ocorreu com o Bitcoin no dia 26 de outubro, quando o Bitcoin chegou a atingir US$10.500,00 em alguns mercados, a EOS atingiu seu pico no dia 28 do mesmo mês – alcançando US$3,50.

4 – XRP

O controverso token nativo da rede Ripple apresentou uma das melhores performances do mês de outubro. Após iniciar o mês avaliado em US$0,249565, um saldo de 18,75% jogou seu preço para US$0,296358 – quase US$0,30.

O valor de mercado excedeu um ganho de US$2 bilhões, contudo, o volume de troca permaneceu na região dos US$1,5 bilhão. No dia 26 de outubro, o XRP chegou a tocar US$0,31, mas não conseguiu sustentar o ganho – como ocorreu com o Bitcoin.

3 – Binance Coin (BNB)

A criptomoeda nativa da Binance Chain, a Binance Coin (BNB), também aproveitou a boa maré do mês de outubro. Com um salto de 25,78%, a BNB avançou de US$ 15,90 para US$ 20,00.

Seu valor de mercado atingiu um crescimento de quase US$ 700 milhões, seu volume de troca também apresentou uma melhoria, ficando acima da faixa de US$ 200 milhões. O ponto alto da Binance Coin ocorreu no dia 29 de outubro, quando a criptomoeda atingiu US$ 20,92.

2 – Bitcoin Cash (BCH)

A criptomoeda surgida do hard fork do Bitcoin, o Bitcoin Cash foi o segundo maior destaque entre as 10 maiores criptomoedas em valor de mercado. Seus ganhos foram de 26,57%, saindo de US$224,76 no início de outubro para US$284,48.

Com o salto, seu valor de mercado apresentou um crescimento maior que US$1 bilhão, enquanto seu volume de troca ficou consistentemente acima de US$3 bilhões durante a última semana de outubro.

1 – Bitcoin SV (BSV)

O criptoativo surgido de um hard fork do Bitcoin Cash, por sua vez, se saiu melhor do que o próprio BCH em outubro.

Com um ganho estratosférico de 52,76%, o Bitcoin SV saiu de US$84,96 para US$129,79. Como consequência, seu valor de mercado subiu US$800 milhões e o seu volume de troca – costumeiramente em US$200 milhões – ficou na zona entre US$600 milhões e US$800 milhões.

O ponto alto do Bitcoin SV foi no dia 26 de outubro, quando nona maior criptomoeda do mundo em valor de mercado atingiu US$150,13.

Leia também: Confira os cinco criptoativos do top 10 que mais valorizaram em setembro

Forex Crypto News: Cripto Facil