CoinMarketCap lista os melhores rendimentos em DeFi

CoinMarketCap lista os melhores rendimentos em DeFi

O ramo de finanças descentralizadas (DeFi) pode ser confuso para iniciantes.

Todas as promessas de rendimento são atrativas. Contudo, os usuários se perdem entre os diversos serviços: empréstimos, rendimentos sobre empréstimos, etc.

Visando facilitar a vida dos usuários e buscando o hype, o CoinMarketCap (CMC) lançou um novo serviço. Agora, o famoso site lista os maiores rendimentos diários em DeFi.

CoinMarketCap dá mais um passo em DeFi

O CMC já havia adentrado a esfera de DeFi quando começou a publicar os preços dos tokens da esfera.

Agora, a aba dedicada aos rendimentos em DeFi fala sobre os rendimentos anuais e diários.

Além disso, o tipo de token, total alocado no protocolo e risco de perdas permanentes também estão listados.

Por fim, os pools de liquidez também são exibidos na nova funcionalidade do CMC.

Um pool de liquidez significa o tipo das criptomoedas que o protocolo aceita. Por exemplo, o Swerve tem o pool de liquidez swUSD.

Nele, é possível utilizar DAI, USDC, USDT e TUSD.

Enquanto isso, o Curve tem seis pools de liquidez diferentes. Além das stablecoins mencionadas acima, ainda é possível utilizar versões tokenizadas do Bitcoin.

A SushiSwap é o terceiro maior pool de liquidez. Contudo, ele foi listado pelo CMC com um alto risco de perda permanente.

No Brasil, a Binance – dona do CMC – tem trabalhado os conhecimentos em DeFi com o público.

A empresa anunciou uma série de eventos focados em DeFi, visando aumentar o conhecimento do mercado brasileiro de criptoativos sobre o tema.

Polêmicas com o CoinMarketCap

É importante ter atenção ao fato de que o CoinMarketCap atualmente pertence à Binance.

Desta forma, é interessante checar em mais de uma plataforma sobre DeFi acerca dos riscos e liquidez.

Recentemente, uma equipe de executivos antigos do CMC deixou o projeto.

Ainda não foram elencados os motivos, mas rumores apontam que a Binance quer reorganizar o quadro de executivos.

Embora a exchange tenha afirmado que o CMC continuaria independente com a aquisição, algumas polêmicas surgiram em torno do tema.

A Binance Coin, token nativo da Binance Chain, foi listado como token DeFi. A ação causou revolta na comunidade de criptoativos, sendo revertida.

Leia também: Investidor investe R$ 1.000 e lucra R$ 1 milhão com token DeFi

Leia também: Empresa paga salário em Bitcoin para quem for nó da blockchain

Leia também: Mesmo com riscos, número de day traders dobra em 2020

Forex Crypto News: Cripto Facil