Clientes da suposta pirâmide Unick Forex agendam manifestação na sede da empresa

Clientes da suposta pirâmide financeira Unick Forex estão organizando um protesto na sede da empresa em São Leopoldo, Rio Grande do Sul, nesta terça-feira, 01 de outubro. Os clientes estão insatisfeitos com os saques que não são efetivados pela empresa e preocupados com as recentes denúncias de que líderes da Unick estariam gastando o dinheiro dos clientes em paraísos fiscais e com itens de luxo na Europa.

O organizador do protesto, segundo informações nas redes sociais, é Juliano Andrades, de Porto Alegre, um cliente que alega ter mais de R$16 mil investidos na Unick. As redes de televisão SBT e Record teriam sido convidadas para fazer cobertura da manifestação e teriam confirmado presença.

Embora vivencie uma crise e não venha cumprindo com as solicitações de seus clientes, o presidente da Unick Forex declarou recentemente que a empresa ainda crescerá mais de 1.000% e anunciou também novas plataformas e formas de investimento na Unick. No entanto, tanto ele quanto a empresa estão impedidos de ofertar qualquer tipo de investimento no Brasil por determinação da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Recentemente, o delegado da Polícia Civil William Garcez declarou que a Unick Forex é uma pirâmide financeira e que o inquérito que vinha conduzindo sobre as atividades da companhia foi encaminhado para a Polícia Federal. A Unick já é alvo de uma investigação da Polícia Federal sobre supostas remessas financeiras para o exterior que seriam usadas para comprar itens de luxo.

Leia também: Delegado da Polícia Civil afirma que Unick Forex é pirâmide financeira

Forex Crypto News: Cripto Facil