Cerca de 1.500 Bitcoins são perdidos por dia, aponta relatório

Cerca de 1.500 Bitcoins são perdidos por dia, aponta relatório

Todos os dias, usuários de Bitcoin perdem cerca de 1.500 BTC.

É o que afirma um relatório divulgado recentemente.

Segundo o documento, os BTC são irreversivelmente perdidos devido a erros de envio, chaves privadas perdidas, recompensas não reclamadas por mineradores, morte de seus detentores ou outras causas.

Portanto, o número excede os cerca de 900 BTC que são produzidos diariamente pela mineração.

Bitcoins perdidos

Para chegar a esta conclusão, a empresa Cane Island Digital Research (CIDR) declarou que, com base em pesquisas anteriores, desde 2010, cerca de 4% do BTC em circulação são perdido anualmente.

Assim, considerando essa informação, a oferta atualmente disponível de Bitcoin seria de 13,9 milhões. Ou seja,  quase 25% a menos do que os 18,5 milhões que foram extraídos até agora.

As conclusões da Cane Island corroboram os resultados de uma investigação que Chainalysis realizou em 2017.

Na ocasião, a empresa demonstrou que de 2,78 a 3,69 milhões de BTC foram perdidos para sempre. O que representou entre 17% e 23% do capital naquela época.

Há controvérsias

Entretanto, nem todos concordam com o relatório da CIDR, que também garante que a quantidade de BTC em circulação nunca ultrapassará 14 milhões.

Em resposta a um tuíte de Timothy Peterson, diretor da empresa de pesquisa, várias pessoas levantaram suas dúvidas.

Philip Gradwel, economista-chefe da Chainalysis, disse que pode “supor que as taxas históricas de perdas continuem mesmo agora que os preços estão altos e as práticas de custódia são melhores e mais seguras”.

No entanto, outras investigações relataram perdas de Bitcoins significativamente menores.

Mas, de fato, é difícil precisar a quantidade de Bitcoins perdidos. Isso porque há aqueles que não se movem há anos e há também os que foram roubados e que, em muitos casos, também não são movimentados.

Dessa forma, é praticamente impossível determinar quais Bitcoins não são mais acessíveis.

Porém, o próprio Satoshi Nakamoto considerou o BTC perdido como “uma doação para todos”.

“As moedas perdidas apenas fazem as moedas de todos os outros valerem um pouco mais”, disse.

Leia também: Empresas estão interessadas em Bitcoin, aponta pesquisa

Leia também: Irã autoriza usinas de energia a minerar Bitcoin

Leia também: Minerar Bitcoin não está dando lucro, revelam dados

Forex Crypto News: Cripto Facil