Brave e Gemini fecham parceria para permitir trade de criptomoedas pelo navegador

Brave e Gemini fecham parceria para permitir trade de criptomoedas pelo navegador

O navegador Brave fechou mais uma parceria importante. Dessa vez, com a exchange Gemini, dos irmãos Winklevoss.

Os usuários poderão comprar, negociar, ganhar e armazenar criptomoedas diretamente pelo navegador. Além disso, o Basic Attention Token (BAT) será listado na plataforma da exchange.

Outra novidade será a disponibilização de um widget da Gemini no Brave. Ele já está disponível na versão Nightly do navegador e deve ser lançado na versão geral do Brave. O lançamento deve ocorrer “nas próximas semanas”, disse a Gemini.

Brave intensifica parcerias importantes

A nova parceria reforça a união do Brave com exchanges de peso no mercado. No iníco de maio, o Brave já tinha fechado parceria com a Binance e a Binance US.

Da mesma forma, a parceria permite a compra de criptoativos via Binance usando o navegador. O BAT, por sua vez, foi listado na plataforma da exchange.

O Brave parece ter aumentado seu foco em exchanges nos últimos meses. Na semana passada, fez parceria com a japonesa BitFlyer, desenvolvendo uma carteira para seus usuários.

Sobre o navegador

Liderado pelo ex-executivo da Mozilla, Brendan Eich, o Brave mais de 15,4 milhões de usuários mensais e mais de 5,3 milhões de usuários ativos diariamente. Ele bloqueia anúncios externos e oferece tokens para quem desejar visualizar os seus próprios anúncios.

Com isso, a plataforma permite que seus usuários tenham mais privacidade e seus dados fiquem protegidos. Ao mesmo tempo, fornece um modelo de remuneração eficiente e justo aos usuários.

Em 2017, o Mozilla chegou a arrecadar US$ 35 milhões (R$ 185 milhões) por meio de uma oferta inicial de moedas (ICO) do BAT em 2017. A oferta relâmpago durou incríveis 30 segundos, uma das mais rápidas da história.

Outras frentes de atuação do Brave incluem parcerias com grupos musicais e a criação de um serviço de videoconferência focado em privacidade. Este último tem como objetivo concorrer com o popular Zoom.

Leia também: Trader com 40 anos de experiência dá dicas para quem quer seguir a carreira

Leia também: PayPal foca em criptomoedas para suas novas soluções em desenvolvimento

Leia também: Fundador da Cardano critica YouTube por permitir golpes com criptomoedas

Forex Crypto News: Cripto Facil