Banco Central Europeu planeja criptomoeda para concorrer com a Libra do Facebook

Nesta segunda-feira, 16 de setembro, representantes da Associação Libra se reunirão com o Comitê de Pagamentos e Infraestrutura de Mercado (CPMI, na sigla em inglês) na cidade de Basileia, na Suíça, conforme informado pela agência de notícias Financial Times.

O CPMI é um regulador de padrões internacionais do Banco de Compensações Internacionais (BIS, na sigla em inglês) e membro do Conselho de Estabilidade Financeira (FSB). A entidade possui 28 bancos centrais como membros, incluindo o Bank of England, o banco central da Alemanha (Bundesbank) e o Federal Reserve (Fed) dos EUA.

Segundo o Times, o evento será o primeiro grande encontro entre os fundadores da Libra e os formuladores de políticas globais desde que o Facebook anunciou a criptomoeda em 18 de junho.

Banco Central Europeu planeja criptomoeda para competir com a Libra

Benoit Coeure, executivo do Banco Central Europeu (BCE), que presidirá a reunião na Basileia, disse recentemente que as exigências regulatórias para a aprovação das operações da Libra na União Europeia serão muito altas.

Durante uma reunião de ministros de finanças da União Europeia em Helsinque, capital da Finlândia, em 13 de setembro, Coeure afirmou que era hora dos reguladores “intensificarem o pensamento sobre uma moeda digital do banco central (CBDC, na sigla em inglês)”, sugerindo a possibilidade de que o BCE pode lançar uma criptomoeda própria.

Segundo Coeure, o BCE começou a trabalhar em seu projeto de moeda digital antes do lançamento da Libra. O executivo deverá fornecer um relatório sobre moedas digitais aos ministros de finanças dos países membros do G7 em outubro.

No mesmo encontro em Helsinque, o ministro das Finanças da França Bruno Le Maire afirmou que a Europa deveria considerar sua própria moeda digital pública para desafiar a Libra. Reiterando as preocupações com a Libra, Le Maire afirmou que iria discutir o potencial de uma suposta “EuroCoin” com seus colegas de continente no próximo mês.

Vale destacar que Le Maire afirmou que a França pode impedir a atuação da Libra no bloco europeu caso a criptomoeda represente uma ameaça ao sistema financeiro, conforme relatou o CriptoFácil.

Leia também: Banco Central europeu “indica” que é hora de comprar Bitcoin

Forex Crypto News: Cripto Facil