Austrália apreende maior valor em criptomoedas de sua história em operação contra drogas

A Força Policial da Austrália Ocidental apreendeu o equivalente a 1,52 milhão de dólares australianos (US$1 milhão) em criptomoedas durante uma investigação sobre drogas. O valor é o maior já apreendido no país por meio de criptomoedas.

Junto com o dinheiro, um homem de 27 anos e uma mulher de 25 anos foram presos, anunciou a Australian Border Force (ABF) nesta quarta-feira, 04 de dezembro. A ABF alegou que o homem e a mulher importaram 27,5 gramas de comprimidos de ecstasy e 27,5 gramas de ecstasy em pó do Reino Unido. A droga estava escondida em kits de pintura de brinquedos para crianças.

Como parte da investigação, a polícia também apreendeu um dispositivo eletrônico e encontrou US$1.524.102 em criptomoedas. “Acredita-se que a apreensão das criptomoedas seja a apreensão de maior valor desse tipo feita pela Força Policial [da Austrália Ocidental]”, disse Paul Matthews, detetive sênior e oficial encarregado do esquadrão de drogas e armas de fogo da força policial.

“A identificação e o congelamento de mais de AU$1,5 milhão em criptomoedas nessas circunstâncias mostra o ambiente digital atual no qual as agências policiais devem operar”, acrescentou Matthews.

Tanto o homem quanto a mulher foram acusados ​​de tentativa de posse de drogas com a intenção de vender ou fornecer (ecstasy) e posse de drogas proibidas com a intenção de vender ou fornecer (cannabis). Eles compareceram duas vezes ao tribunal desde novembro e devem ter comparecido à mais uma audiência nesta quarta-feira.

“Usando as mais recentes tecnologias e técnicas forenses digitais, investigamos minuciosamente todos os métodos possíveis de apreensão de ativos financeiros e direcionamos nossas buscas a todas as formas de riqueza derivadas do comércio de drogas ilícitas”, afirmou Matthews.

Leia também: Polícia da Austrália prende quadrilha que roubou US$1,8 milhão em fraudes com criptomoedas

Forex Crypto News: Cripto Facil